Centro de Memória inicia implantação de Trilha no Laboratório da Inovação

segunda-feira, 30 de Janeiro de 2023 - 15:01

O Centro de Memória e Cultura da Justiça do Trabalho do Maranhão iniciou a implantação da Trilha da Memória, desenvolvida no Laboratório da Inovação do TRT. A trilha resultou no Mapa de Contribuição, um conjunto de sugestões a serem implementadas pela área de Memória e Gestão Documental para os próximos quatro anos.

A iniciativa foi alinhada aos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável da ONU. Os participantes escolheram a "Redução das desigualdades/Paz, Justiça e Instituições".

O Mapa de Contribuição da Memória está concorrendo ao Prêmio da Memória do Poder Judiciário na categoria Especial, ramo Justiça do Trabalho. No ano de 2022, o Centro de Memória do TRT Maranhão conquistou o primeiro lugar na categoria especial com o projeto Portal da Memória.

"O principal desafio é alinhar as atividades do Laboratório às necessidades de melhoria da prestação de serviços na Justiça do Trabalho do Maranhão com a cooperação de todos. Estamos em busca de estimular os magistrados e servidores a buscarem soluções conjuntas para os problemas corporativos, num ambiente de co-gestão alinhado aos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável da Agenda 2030 da ONU, como se propõe a Política de Inovação do Poder Judiciário", afirma o juiz auxiliar da Presidência, Saulo Tarcísio de Carvalho Fontes.

O secretário de Governança e Gestão Estratégica, Marcos Pires, informou que já foi realizado o planejamento de atividades do Laboratório para o ano de 2023 e que entre as novas trilhas propostas está a Acessibilidade. "Acredito que vamos conseguir apresentar bons resultados, especialmente porque, embora sejamos um Tribunal de pequeno porte, nossos magistrados e servidores demonstram empenho e cooperação", disse.

Para o ano de 2023, os participantes firmaram o pacto de colaboração e prometeram entregar a Linha do Tempo com a Vida e Obra de Astolfo Serra pelas comemorações do Dia Nacional da Memória, 10 de maio. Também vão mapear a Série das Ações Civis Públicas da 1ª e 2ª Vara do Trabalho de São Luís, a primeira de um conjunto de outras séries que serão desenvolvidas ao longo do mapeamento. A organização do Acervo de Fotografias, iniciando pelas posses na Presidência do Tribunal e identificar as notícias de valor histórico postadas no Portal de Notícias da Justiça do Trabalho do Maranhão também foram agregadas ao planejamento de 2023.

Participaram da Trilha da Memória os servidores Jeane Aragão Adler, José Antônio Abreu Gomes e Joselin Ferreira de Sousa, além do estagiário João Francisco de Moraes Junior (História). Eles foram convidados a se identificarem como atores da história da Justiça do Trabalho do Maranhão, respondendo ao questionamento “QUEM SOU EU NESSA HISTÓRIA?”. Os participantes foram convidados a fazer uma imersão nas suas memórias e lembrarem quem são dentro da instituição, qual a importância do trabalho de cada um, momentos marcantes e reconhecimentos, explica a servidora Edvânia Kátia, uma das facilitadoras da atividade.

Os participantes foram capacitados para conhecerem os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável e alinharam as iniciativas da Memória e Gestão Documental aos temas. "Importante estabelecer essa conexão porque a inovação não implica em apenas ter uma ideia, mas apresentar resultados conjuntos. Quando atuamos juntos, somos mais fortes", disse a facilitadora Aline Lobato.

177 visualizações