Painel debate a atuação dos organismos internacionais no combate ao trabalho infantil

quarta-feira, 30 de Junho de 2021 - 10:41
Redator
Edvânia Kátia

Acontece hoje mais uma edição do projeto Diálogos de Quarta, mais uma ação de combate ao trabalho infantil no Maranhão. A live de hoje traz o painel A atuação dos organismos internacionais no combate ao trabalho infantil. A abertura será feita  pelo desembargador James Magno Araújo Farias, gestor nacional do Programa de Combate ao Trabalho Infantil do Conselho Superior da Justiça do Trabalho. A mediadora será a juíza titular da Vara do Trabalho de Chapadinha , Liliana Maria Ferreira Soares Bouéres. O evento vai ao ar entre as 15h e 17h, pelo canal oficial do TRT Maranhão no Youtube.  

O painel conta ainda com a participação de Erik Ferraz, oficial de projetos da Organização Internacional do Trabalho (OIT); Ofélia Ferreira da Silva, chefe do escritório da Unicef no Maranhão; Flávio Debique, gerente nacional de programas da Plan Internacional no Brasil e no Maranhão; e Francisco de Assis Santiago Júnior, coordenador programático dos Estados do Rio Grande do Norte, Paraíba e Pernambuco representando o Aldeias Infantis SOS Brasil. 

Na live serão apresentadas as músicas Saudades do Tororoma, de Osmar do Trombone, e Salve o Menino, de Wanda Cunha. As músicas fazem parte da série Música pela Infância que vem sendo realizada pelo TRT por meio da Comissão de Combate ao Trabalho Infantil, Setor de Comunicação e Centro de Memória. 

Diálogos de Quarta é uma iniciativa do Tribunal Regional do Trabalho (TRT Maranhão), Ministério Público do Trabalho e Superintendência Regional do Trabalho. Pelo TRT Maranhão, a iniciativa está sob a coordenação da Comissão de Combate ao Trabalho Infantil e Estímulo à Aprendizagem do TRT. A comissão tem como gestoras a desembargadora Márcia Andrea Farias da Silva e a juíza do Trabalho Liliana Bouéres.

Ao todo serão quatro lives. A primeira aconteceu no dia 16 de junho com o painel sobre Trabalho Infantil – Para quem denunciar? Como agir?. O encerramento está previsto para o mês de julho quando acontecem as comemorações dos 31 anos do Estatuto da Criança e do Adolescente. 

25 visualizações