TRT-16 convida para audiência pública sobre a Proposta Inicial de Metas de 2025

sexta-feira, 5 de Julho de 2024 - 15:34
Redator (a)
Francisco Eduardo Carvalho Almeida

O Tribunal Regional do Trabalho da 16ª Região (Maranhão), por meio da Secretaria de Governança e Gestão Estratégica, convida integrantes da magistratura e corpo funcional do órgão, assim como membros da advocacia e do Ministério Público do Trabalho no Maranhão (MPT-MA), além de representantes de entidades de classe e quaisquer outros interessados, para participar da audiência pública que discutirá a Proposta Inicial de Metas do ano de 2025 (PIME), no âmbito do Poder Judiciário. A audiência acontecerá na próxima quinta-feira (11/7), no horário das 10h, na modalidade virtual. 
Em um amplo espaço de apresentação de ideias, o evento será uma oportunidade para debater e reunir informações, críticas e propostas de todo o público presente, com o objetivo de contribuir para as metas que, em especial, impactam no Prêmio CNJ de Qualidade, do Conselho Nacional de Justiça. A audiência também possibilitará que os participantes respondam um formulário que será disponibilizado no momento, para apresentação de sugestões de metas, manutenção de cláusulas de barreiras e demais sugestões que julguem pertinentes ao tema. Os resultados serão apurados para posterior encaminhamento ao CNJ.
De acordo com a Secretaria de Governança e Gestão Estratégica do TRT-16, a audiência pública é um meio democrático que possibilitará a manifestação oral dos participantes, garantindo, assim, o pleno funcionamento da cidadania, o aperfeiçoamento da prestação jurisdicional, a garantia da celeridade, a eficiência e a maior qualidade no serviço oferecido à sociedade. Na ocasião, também serão apresentados os resultados do Regional nas Metas Nacionais.
Para participar da audiência pública, acesse a sala do Google Meet.
Alinhamento de metas
No último dia da Semana de Formação de Magistrados, realizada em maio passado, a equipe da Secretaria de Governança e Gestão Estratégica do TRT-16 realizou reunião presencial com os magistrados e magistradas de 1º e 2º Graus para tratar da PIME 2025 e apresentar os resultados parciais das metas em 2024 e o histórico de cumprimento desde o ano 2021, quando teve início o atual Plano Estratégico do Poder Judiciário, além dos painéis de acompanhamento, por unidade e por instância.
Na ocasião, todos os presentes responderam um questionário sobre as metas para 2025, oportunidade em que puderam sugerir metas e opinar acerca da continuidade ou não das mesmas para o próximo ano. A iniciativa possibilitou a contribuição com o processo decisório, por meio de mecanismos participativos que promovem a expressão de opiniões plurais e a visão dos diversos segmentos e instâncias, no contexto do Poder Judiciário. 

 

116 visualizações